Notícias Sindicais

Na construção civil, o 28 de abril alerta para irregularidades que tiram a vida dos trabalhadores

aceidente do trabalho - site

aceidente do trabalho - site

Hoje (28), diversos países realizam atividades do Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho. A Organização Internacional do Trabalho (OIT) reconhece a data como forma de reflexão sobre a segurança e a saúde do trabalhador de todo o mundo, desde 2003.

No Brasil, a data é importante, pois cerca de 700 mil acidentes ocupacionais acontecem todos os anos, de acordo com dados da Previdência Social e do Ministério do Trabalho (MTb).

Grande parte desses acidentes ocorrem na construção civil. As condições no setor sempre foram bastante precárias, principalmente em relação à segurança.

O setor é considerado o mais letal para os trabalhadores brasileiros e registra aproximadamente 450 mortes anuais, segundo informações do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Segundo o INSS, são mais de 60 mil acidentes no setor a cada ano, desde 2011.

Para o presidente do Sintracom Londrina, Denilson Pestana da Costa, esses números são ainda maiores. “Há dezenas de casos em que as empresas escondem as informações, com certidões de óbito, por exemplo, que não mostram a causa exata da morte, nem o local onde ocorreu”, afirma.

Por que os índices são tão altos?

Por lei, as empresas são obrigadas a prestar orientações e a garantir a segurança de seus funcionários. O principal motivo para que os acidentes e fatalidades continuem ocorrendo é o descumprimento da principal norma do setor: a Norma Regulamentadora (NR) 18.

“O Sintracom Londrina está sempre pronto e disponível para receber os trabalhadores. Informar a ausência de equipamentos adequados, condições precárias e situações perigosas é fundamental para prevenir fatalidades e acidentes”, reforça Denilson.

A NR 18 estabelece, entre outros, o uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e Equipamentos de Proteção Coletiva (EPCs) e também indica que é proibida a permanência ou a realização de quaisquer atividades em um canteiro de obras sem que todas as disposições da NR 18 sejam cumpridas.

História

A data foi criada no Canadá em memória a um acidente que matou 78 trabalhadores em uma mina no estado da Virgínia, nos Estados Unidos, em 1969, por iniciativa do movimento sindical. No Brasil, ela foi oficializada em maio de 2005, pela Lei 11.121/2005.

Fonte: Sintracom Londrina

Posts Relacionados

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register