Notícias Sindicais

Dia Mundial de Combate às LER/DORT: construção civil é um dos setores mais atingidos pela doença

shutterstock_95447881

shutterstock_95447881As Lesões por Esforços Repetitivos (LER) são um grupo de doenças que comprometem músculos, nervos e tendões do corpo, principalmente de ombros, braços e punho.

Diante do alto número de casos e de diagnósticos em trabalhadores do mundo todo, desde 2000, o dia 28 de fevereiro foi estabelecido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) como o Dia Mundial do Combate às LER e Distúrbios Ostemusculares Relacionadas ao Trabalho (DORT). A data marca a importância de alertar sobre as enfermidades, que podem ocasionar sérios riscos, como a perda da força dos braços.

Dentre os sintomas mais comuns de LER/DORT, podemos citar: dor nos membros superiores, dedos e região lombar; inflamações nas articulações; desconforto físico no final do dia; cansaço excessivo; fadiga muscular; paralisia e parestesia (sensação de formigamento, pressão, frio ou queimação na pele).

Panorama da construção civil

A construção civil está entre os setores mais atingidos por LER/DORT. Como realizam atividades cotidianas que exigem força, repetição, postura e movimento, os trabalhadores desse setor têm maiores chances de desenvolver as doenças.

Os furadores de pedra, por exemplo, precisam controlar um maquinário pesado, fazendo força por um período longo para concluir as tarefas. Já os pedreiros e serventes de pedreiro manuseiam e carregam materiais pesados e costumam ter dores na região da coluna, braços e nos dedos das mãos. A mesma situação acontece com os armadores de ferragens.

Desde 2009, o Ministério Público do Trabalho (MPT) coordena o Programa Nacional de Combate às Irregularidades Trabalhistas na Construção Civil, que visa aumentar a atuação preventiva no setor.

Fiscalização

Conforme ressalta o presidente do Sintracom Londrina, Denílson Pestana da Costa, é dever das empresas cumprir as normas de segurança, dar orientações, fornecer Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e exigir que sejam usados de forma adequada. “Além do uso de EPIs, como luvas, botas, máscaras e capacetes, fazer pequenas pausas e alongar o corpo, para relaxar a musculatura, contribuem para a prevenção das LER/DORT”, afirma.

A Norma Regulamentar (NR) 18, que trata das condições e meio ambiente de trabalho na indústria da construção, obriga as empresas a oferecer treinamento. Porém, na prática, as instruções muitas vezes não são dadas de forma correta.

Denilson também aponta que, como ação de saúde e segurança, a diretoria do sindicato realiza fiscalizações semanais em empresas e obras de Londrina e região para se aproximar da realidade do trabalhador e supervisionar as condições de trabalho oferecidas.

O Sintracom Londrina também promove com frequência treinamentos, palestras e atividades pensando na preservação da saúde e da vida dos trabalhadores.

Fonte: Sintracom Londrina

Posts Relacionados

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register