Notícias Sindicais

Apenas 23% dos londrinenses aprovam gestão de Marcelo Belinati, aponta pesquisa

sintracom

sintracom

Após 500 dias de mandato, apenas 23% aprovam a atuação do prefeito de Londrina, Marcelo Belinati (PP). O índice de rejeição é de 56%, enquanto 21% se abstiveram de responder. Divulgado nesta quinta-feira (17), o levantamento foi feito pelo Instituto Multicultural em parceria com a Rádio Paiquerê e a Folha de Londrina.

A pesquisa mostra uma queda drástica de popularidade em relação aos dados anteriores, de dezembro, que mostravam uma rejeição de 39,5% à atual gestão municipal. A apuração mais recente também apontou a baixa taxa de confiabilidade do prefeito perante os eleitores – 61,5% afirmaram não confiar nele, enquanto 8% não responderam. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos.

O Secretário de Política Sindical do Sintracom Londrina, José Fernandes Paião, lembra que os números obtidos pela pesquisa são reflexo direto de decisões administrativas que prejudicaram o povo nos últimos meses. “A prefeitura transferiu o ônus orçamentário deste ano para a população, através da aplicação de taxas totalmente abusivas e injustificáveis”, explica.

Aumento de impostos e suspeita de improbidade administrativa motivaram resultados

A pesquisa foi realizada entre os dias 14 e 15 de maio, reunindo grupos de amostragem de todas as regiões da cidade. O levantamento foi o primeiro a ser realizado desde a adoção de medidas de austeridade impopulares por Belinati.

A principal decisão polêmica foi o aumento abusivo do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e da taxa de coleta de lixo em 2018 – apesar da redução do serviço. As mudanças simbolizaram um salto de até 400% na carga de impostos paga pela população. Também pesou na conta da gestão atual, a suspeita de improbidade administrativa pelo prefeito, cujo condomínio pagava um valor de IPTU muito abaixo do aumento estipulado para o restante de Londrina.

O Sintracom Londrina tem estabelecido forte resistência à aplicação dos aumentos de impostos no município desde o começo do ano, incluindo participação ativa em protestos, reuniões e audiências. Saiba mais clicando aqui.

Essa é a primeira vez desde o início do mandato de Belinati em que a aprovação do governo fica abaixo de 50%.

Fonte: Sintracom Londrina

Posts Relacionados

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register